top of page

Siza Vieira recebe os Estudantes da Universidade Lusíada









No dia 5 de Abril de 2021 o Arquitecto Álvaro Siza Vieira, numa sessão on-line, encomendou uma casa para si próprio aos Estudantes do Primeiro Ano do Mestrado Integrado em Arquitectura da Universidade Lusíada - Porto e V.N.Famalicão. (ver aqui).


Após sete semanas de concepção e materialização de desenhos e maquetas, o Arquitecto Álvaro Siza recebeu os Estudantes a 19 de Junho de 2021, Sábado, pelas 11 horas, para uma sessão de apresentação e explicitação das casas destinadas ao convidado (vídeo).



Os Estudantes Elodie Costa, Silvina Coelho, Vanda Silva e José Pereira partilharam as suas opções e formalizações da casa com o Arquitecto Álvaro Siza que abordou diversos temas de análise e síntese crítica, verdadeiras lições para cada um e para todos os Estudantes que assistiram através de gravação e transmissão online. Com atenção e dedicação, o convidado questionou, desenhou e partilhou pensamentos e desenvolvimento futuros para os exercícios dos quatro Estudantes presentes, revelando que era a primeira vez que lhe desenhavam uma casa, o que o entusiasmou e deixou ansioso pelos resultados.

Acompanhados pelos Professores Carlos Santos, Director da Faculdade de Arquitectura e Artes, Patrícia Diogo e João Rapagão, responsáveis pelo desenvolvimento e acompanhamento do exercício nos pólos do Porto e Vila Nova de Famalicão, os quatro Estudantes ouviram atentamente a lição do Arquitecto Álvaro Siza com saberes que os acompanharão no futuro.

Sensibilizado com a aplicação e dedicação de todos os Estudantes, o convidado elaborou e dedicou um escrito de agradecimento que é também a sua reflexão resultante da sessão sobre o tema A Casa:


"A casa é um risco de espaços

num percurso contínuo e evidente

Mas na casa tem de haver atalhos


Numa casa a luz a jorros

mas também penumbra e transição


Ao exigir isto e aquilo do espaço

e mais não sei o quê

luz e percurso estão unidos sem limite


Uma casa tem de estar aberta à rua

mas também da rua demarcar-se


Uma casa é assim ou assado

é isto e aquilo a esvoaçar


Viver é uma aventura breve

(ou um correr de breves aventuras)


Uma casa faz-se para viver"


Porto, 21 de Junho de 2021


Álvaro Siza

Comments


bottom of page